Nº 2/ 2015 – Fev/Abr 2015

BOLETIM DE INFORMES CONTRACEPÇÃO DE EMERGÊNCIA - REDE BRASILEIRA DE PROMOÇÃO DE INFORMAÇÃO E DISPONIBILIZAÇÃO DA CONTRACEPÇÃO DE EMERGÊNCIA. Fevereiro-Abril de 2015

 

Acesse o PDF em: http://redece.org/Boletimfevabr2015.pdf

 

I – Ações de Intervenção e Eventos

 

- Conferência Internacional do Planejamento Familiar. 09 a 12 de novembro de 2015, em Nusa Dua, Indonésia.

Ver site: http://fpconference.org/2015/

 

- Conferência de Direitos Humanos e Planejamento Familiar.  9 a 11 de outubro de 2015, em Seattle, EUA. Universidade de Washington School of Law.

Ver site: http://depts.washington.edu/uwconf/wordpress/hrfp/

 

- Mais de 80 cópias do DVD “Contracepção de emergência para UM DIA DAQUELES” dirigidos a adolescente, foram distribuídas pela REDE CE entre ONGs e entidades públicas que atuam com saúde e direitos sexuais e reprodutivos no entorno da Baixada Santista – SP, no evento “Novas e Velhas Tecnologias de Prevenção à Aids”, realizado dias 23 e 24 de abril de 2015 em Santos, por organização do Instituto Joana D’Arc.

 

II – Artigos e Livros

 

- Pílulas Anticoncepcionais de Emergência - orientações médicas e de prestação de serviços. 1ª edição em português. REDE CE, Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo, FLASOG, CLAE. Abril 2015.

RESUMO: Versão em português das Emergency Contraceptive Pills: medical and service delivery guidelines, publicadas pelo International Consortium for Emergency Contraception (ICEC). É uma publicação para ampla distribuição, projetada para servir como uma referência e como documento de treinamento para a prestação de serviços. Inclui assuntos médicos e de serviços de entrega em um formato fácil de usar, incluindo a triagem, as dosagens e aconselhamento aos regimes da pílula de contracepção de emergência. Os programas e serviços de cada localidade podem adaptar essas diretrizes como necessário para cumprir com os requisitos nacionais. O material deve ser amplamente divulgado para melhor uso e distribuição do método.

Disponível em: http://redece.org/guidelines.pdf

 

- Oliveira AA, Tomaz ACV, Junior MBP. Práticas contraceptivas de emergência entre mulheres: o conhecimento e uso da anticoncepção de emergência. Anais Eletrônico VIII EPCC – Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar UNICESUMAR – Centro Universitário Cesumar. 2013.

RESUMO: Estudo quantitativo exploratório pelo uso de entrevista semiestruturada realizado na cidade de Maringá pretende levantar dados sobre o conhecimento e uso da contracepção de emergência peãs mulheres entrevistadas.

Disponível em: http://www.cesumar.br/prppge/pesquisa/epcc2013/oit_mostra/Arthur_Andrade_de_Oliveira.pdf

 

- Figueiredo R, Castro JM, Kalckmann S. Planejamento Familiar e Reprodutivo na Atenção Básica do Município de São Paulo: direito constitucional respeitado? Boletim do Instituto de Saúde Volume 15 – nº2.  Dezembro 2014. ISSN 1518-1812 / On Line: 1809-7529.

RESUMO: O artigo analisa a implementação da política de Planejamento Familiar no município de São Paulo mediante a disponibilização de métodos contraceptivos na Atenção Básica, considerando as diversidades de cada região, incluindo a dispensa da contracepção de emergência.

Disponível em: http://redece.org/artigoPFnaABdoMunicipiodeSaoPaulo2015.pdf

 

- Costa AR, Martins I, Palma F, Sousa F, Almeida MC, Bombas T. Guia Prático Contracepção de Emergência (CE) – indicações para contracepção de emergência.  Publicado por Sociedade Portuguesa de Contracepção. 2015.

RESUMO: Guia prático e simples com as informações mais importantes sobre contracepção de emergência.

Disponível em: http://redece.org/CE-Guia-pratico_final%20-%20portugal.pdf

 

- Brasil. Ministério da Justiça. Secretaria de Assuntos Legislativos. Violências contra a mulher e as práticas institucionais. Ministério da Justiça, Secretaria de Assuntos Legislativos. Brasília: Ministério da Justiça, 2015.

RESUMO: Material baseado em pesquisas empíricas visa estabelecer informações sobre as questões legais e de políticas públicas pertinentes a questão da violência à mulher.

Disponível em: http://redece.org/violenciacontraamulherepraticasinstitucionais.pdf

 

-  SOGESP. Recomendações SOGESP. Anticoncepção de emergência para adolescentes. São Paulo: SOGESP. 2013.

RESUMO: Recomendações dispõem sobre as indicações do uso da anticoncepção de emergência para adolescentes, incluindo decisão sobre o fármaco de escolha e uso do DIU.

Disponível em: http://www.sogesp.com.br/recomendacoes-sogesp/2013/tema-02-anticoncepcao-de-emergencia-em-adolescentes

 

- Vermon R, Valdez C, Murllo C. Tendencias en el uso de métodos anticonceptivos em América Latina y el Caribe. México: PATH/ Foro LAC/ RHSC, Janeiro de 2015.

RESUMO: Material traz dados demográficos sobre a evolução e uso dos contraceptivos nos últimos 25 anos nos países da América Latina e Caribe e também traz dados sobre as populações mais vulneráveis.

Disponível em: http://redece.org/FINALREPORTEVOLUTIONINTHEUSEOFMETHODS.pdf

-  Raymond EG, Cleland K.  Emergency contraception. clinical practice. N Engl J Med 2015. 02 de abril de 2015.372:1342-1348. DOI: 10,1056/ NEJMcp1406328 [inglês]

RESUMO: Estudo analisa os tipos de anticoncepção de emergência. Entre as pílulas de ulipristal e levonorgestrel e conclui que esta última é mais eficiente e a inserção do DIU de cobre se mostra a forma mais eficaz da contracepção de emergência.

Disponível em: http://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJMcp1406328

 

- Ko JKJ, Huang VW, Li RHW, Yeung WSB, Ho PC, Chiu PCN. An in vitro study of the effect of mifepristone and ulipristal acetate on human sperm functions. Andrology. 2014, feb. 868–874. doi: 10.1111/j.2047-2927.2014.00261.x [inglês]

RESUMO: Estudo in vitro analisa o efeito dos hormônios acetato de ulipristal (UPA) e mifepristone sobre esperma humano, constatando que essas drogas podem reduzir a fertilização por uma diminuição das funções do esperma.

Disponível em: https://knowledge-gateway.org/?jp6hslvq

 

- Zhang J, Li C, Zhao W, Xi X, Cao S, Ping H, Qin G, Cheng L, Huang H. Association between levonorgestrel emergency contraception and the risk of ectopic pregnancy: a multicenter case-control study.SCIENTIFIC REPORTS. Fev 2015. 1-9DOI: 10.1038/srep08487 [inglês]

RESUMO: Estudo de caso-controle realizado em cinco hospitais da China, teve como objetivo verificar se o uso da contracepção de emergência a base de levornogestrel oferece risco para gravidez ectópica. Os resultados do estudo demostram que o uso prévio da contracepção de emergência de levonorgestrel não se correlacionou com a gravidez ectópica.

Disponível em: https://knowledge-gateway.org/?s0tnnyy9

 

- Kapp N, Abitbol JL, ​​Mathé H, Scherrer B, Guillard H, Gainer E, Ulmann A.  Effect of body weight and BMI on the efficacy of levonorgestrel emergency contraception.Contraception. 2015. 91 97–104. [inglês]

RESUMO: Estudo comparativo de duas pesquisas multicêntricas que avaliam o efeito do levonorgestrel sobre o peso e IMC de mulheres que receberam o medicamento. Todas as análises demostraram queda significativa na eficácia desta forma de contracepção de emergência, conforme o aumento do peso corporal e que o aumento de IMC estava correlacionado com o aumento do risco de gravidez.

Disponível em: https://knowledge-gateway.org/?q5zng5yl

 

- Isa IA, Maduabuchi I, Oyeyemi AS.Unmet need of emergency contraceptives: the curious scenario of female undergraduates in the Niger Delta.Britânica de Medicina e Pesquisa Médica. 2015. 5(11): 1387-1395. [inglês]

RESUMO: Estudo transversal que avalia o conhecimento, uso e necessidade não atendida de contracepção de emergência entre os estudantes universitários do sexo feminino da Universidade Delta do Níger. Os resultados permitem perceber que há baixo nível de utilização do método entre os graduandos do sexo feminino da Universidade Delta do Níger e recomenda a introdução do estudo de métodos de planejamento familiar no currículo escolar, além do acesso irrestrito à contracepção de emergência no campus.

Disponível em: https://knowledge-gateway.org/?lsyans44

 

III – Notícias na Imprensa

- Saúde: saiba o que é e como reconhecer os sintomas da nidação – 27/04/15 – Nortão Jornal

RESUMO: O texto informa sobre aspectos referentes à nidação do embrião, esclarecendo que a pílula do dia seguinte não tem efeito sobre o desenvolvimento embrião quando tomada após a aderência do embrião no endométrio. Disponível em:http://www.onortao.com.br/noticias/saude-saiba-o-que-e-e-como-reconhecer-os-sintomas-da-nidacao,40228.php

- Pílula do dia seguinte não pode ser a primeira opção – 03/02/15 – O dia

RESUMO: O artigo discute o descuido de participantes do Reality Show Big Brother Brasil, que precisaram fazer uso da pílula do dia seguinte por não usarem camisinha nas relações sexuais. Faz-se um alerta para que o método é de emergência e só deve ser usado somente em situações emergenciais. Disponível em: http://odia.ig.com.br/noticia/mundoeciencia/2015-02-03/pilula-do-dia-seguinte-nao-pode-ser-a-primeira-opcao.html

- Médicos dos Emirados Árabes Unidos apelam pelo fim da proibição da pílula do dia seguinte – 20/02/2015 – The National [inglês]

RESUMO:Alguns médicos dos Emirados Árabes Unidos estão pedindo o fim da proibição da contracepção de emergência e estão aumentando a conscientização para mudar o equívoco de que é um método abortivo.  Disponível em: http://www.thenational.ae/uae/health/uae-doctors-call-for-end-to-ban-on-morning-after-pill

- Grupos religiosos estão tentando bloquear a anticoncepção de emergência para jovens imigrantes– 05/03/15 – Think Progress [inglês]

RESUMO: Estimativas apontam que 60 a 80% das mulheres que atravessam a fronteira do sul dos Estados Unidos são estupradas e que muitas das organizações que prestam assistência a elas têm se recusado a fornecer a contracepção de emergência. Disponível em: http://thinkprogress.org/immigration/2015/03/05/3627571/faith-refugee-contraception/

- FDA aprova novo DIU projetado para ser mais acessível – 13/03/15 – RH Reality Check [inglês]

RESUMO: O Food and Drug Administratio (FDA), órgão que regula a comercialização de medicamentos nos Estados Unidos, aprovou a comercialização de um tipo de DIU mais acessível a todos os níveis de renda. Estudos demonstram que o novo DIU tem eficácia de 99,45% na prevenção de gravidez durante três anos e que é seguro, independente do IMC.Disponível em: http://rhrealitycheck.org/article/2015/03/13/fda-approves-new-iud-designed-affordable/

- Republicanos da Carolina do Norte: as escolas devem parar de ensinar sobre a Anticoncepção de Emergência 06/04/15 – RH Realit Check [inglês]

RESUMO: Em projeto de lei, um grupo de senadores americanos propõe a exclusão do ensino da contracepção de emergência nas aulas de educação sexual.  Disponível em: http://rhrealitycheck.org/article/2015/04/06/north-carolina-republicans-schools-stop-teaching-emergency-contraception/

- Nueva píldora del día después sin receta – Consalud – 23/04/15  [espanhol]

RESUMO: A contracepção de emergência estará disponível nas farmácias dos países europeus, sem receita, representando um grande avanço para os profissionais e para o reconhecimento do método. Disponível em: http://consalud.es/profesionales/nueva-pildora-del-dia-despues-sin-receta-17547

Boletim de Informes Contracepção de Emergência

REDE CE – Rede Brasileira de Promoção de Informações e Disponibilização da Contracepção de Emergência

Brasil, São Paulo: Fevereiro a Abril de 2015 (versão on-line no site: www.redece.org)

Contato: redece@redece.org

Elaboração e Texto: Monique Paluan Carvalho Sanchez

Coordenação:  Ana Luiza Vilela Borges e Regina Figueiredo

Contribuições: Silvia Bastos

Apoio: Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da Universidade de São Paulo

[top]